O formato de Websérie na produção de conteúdo tem sido muito adotado em campanhas de comunicação. Trata-se de uma ferramenta importante e cada vez mais utilizada nas estratégias de marketing digital, tendo o seu foco na produção de um conteúdo diferenciado, isso é, abordando não necessariamente o produto, o serviço ou o histórico de uma marca, empresa ou indústria, mas sim temas, discussões e histórias com maior valor e apelo humano, que seja de interesse do público, mas que de certa forma, passe pela esfera da empresa que esteja produzindo.

A websérie também se destaca de outros formatos de vídeo/conteúdo por ser dividido em episódios, que por sua vez podem abordar diversos ângulos diferentes de uma mesma história. Seu propósito pode ser o de entreter, informar, emocionar ou esclarecer, de acordo com o objetivo da empresa, porém, no que diz respeito ao seu uso de marketing ou comercial, sempre com o propósito de atrair a atenção do público, ativando possíveis consumidores, tendo sua história de alguma forma convergindo para a valorização da imagem da marca.

É possível afirmar, portanto, que a websérie é uma forma de oferecer entretenimento em troca da atenção do público. Para isso, é claro, é preciso contar uma história que seja interessante, que seja diferente e que seja construída a partir de uma narrativa agradável, independente se o teor da mensagem seja voltado para emocionar, provocar risadas, reflexões e por aí em diante.

Desta forma, através da websérie, torna-se possível fazer com que a mensagem pretendida seja absorvida de forma mais orgânica, sem que o espectador se sinta incomodado pela publicidade, facilitando o entendimento e se tornando mais apto a obter uma reação favorável à marca.

Até a próxima!